Cuidado: é época de catapora!

Doença que causa bolinhas vermelhas atinge mais crianças, mas adultos não estão imunes

Blog_Ex

 

“Catapora é doença de criança”, “quem já pegou uma vez não pega nunca mais”, “catapora é tão inocente quanto um resfriado”. É comum ouvirmos frases parecidas com estas por aí, mas é importante esclarecer que não é bem assim.

Leia Mais

Coleta domiciliar – atendimento onde você precisar

O que é, como é feita e como levar essa facilidade para sua vida

Blog_05

 

Nem sempre é fácil se locomover até um laboratório para realizar exames de saúde. Enquanto alguns deles exigem ir até o local – como os que utilizam equipamentos especiais –, outros podem tranquilamente ser feitos em casa ou no local de preferência do cliente. É a chamada coleta domiciliar.

Leia Mais

Caminhar uma hora por dia reduz o risco de câncer de mama

Mulheres na pós-menopausa que caminham frequentemente podem reduzir o risco em até 14%

Blog_02

 

A Sociedade Americana do Câncer anunciou recentemente uma ótima notícia para este Outubro Rosa: uma simples caminhada de uma hora por dia pode diminuir de maneira significativa o risco de desenvolver câncer de mama.

Leia Mais

Calendário de vacinação, você o segue?

O Laboratório Exame oferece todas as vacinas necessárias e ainda tem um calendário para você ficar em dia com a saúde

03

 

A importância de completar a carteirinha de vacinação quando criança – contando os reforços das doses, são cerca de 25 vacinas até os 10 anos de idade – é bastante conhecida e divulgada. Sem elas, a criança fica suscetível a doenças e infecções como hepatite B, poliomelite, sarampo e rubéola.

Leia Mais

Você sabe quais são os sintomas da endometriose?

Doença ginecológica que atinge de 7 a 10 milhões de brasileiras tem tratamento

Blog_ENdo

Uma das principais causas de infertilidade no país, a endometriose pode ser considerada uma doença ginecológica comum – atinge de 7 a 10 milhões de mulheres do país. Ela é caracterizada pela existência de tecido uterino em regiões do corpo que não o útero, geralmente na pelve, ovários ou intestino.

Leia Mais

Diabetes sem mistérios

É possível ter uma vida ativa e longa com diabetes, basta seguir as orientações do seu médico

Blog_Diabetes

 

Nosso medico, o endocrinologista Dr. Mauro Scharf, explica como prevenir a doença:

Leia Mais

Cuide da saúde dos seus rins com hábitos simples

Rins saudáveis evitam problemas graves no futuro

Blog_Rins

Com 150 gramas e apenas 12 centímetros de altura, quase não dá para acreditar que os rins são órgãos tão vitais quanto o coração e os pulmões. Eles controlam a quantidade de água e sal no corpo, eliminam resíduos e toxinas, ajudam no controle da hipertensão, produzem hormônios que impedem a anemia e a descalcificação óssea, conservam as concentrações contínuas de ácido, evitam a anemia e aumentam a produção de vitamina D.

O problema é que não é fácil descobrir que os rins não estão funcionando bem. Os males renais são silenciosos e só apresentam sintomas quando o estágio está avançado. Quando o indivíduo começa a sentir os primeiros sinais reais, como dificuldade para urinar, inchaço nas pernas e dor lombar, já pode ser tarde demais.

Segundo a Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), estima-se que mais de 10 milhões de brasileiros tenham algum grau de disfunção renal, sendo que um simples exame de urina, feito ao menos uma vez por ano, já ajuda a prevenir a incidência de doenças como nefrite, infecção urinária, obstrução urinária, insuficiência renal aguda, insuficiência renal crônica, tumores renais, doenças multissistêmicas, doenças congênitas e hereditárias e nefropatias tóxicas.

E, em casa, é importante prestar atenção na cor e no cheiro da urina – se estiver amarela escura e com odor forte, pode ser o primeiro sinal de alerta para possíveis problemas. Outros sintomas iniciais incluem cansaço sem motivo aparente, insônia, inchaço nos pés e tornozelos, inchaço nos olhos, nictúria (vontade de ir ao banheiro durante a noite) e mau hálito.

Além dos exames frequentes, hábitos de vida saudáveis podem evitar complicações:

– Vigie a balança: os rins têm uma programação certa para o peso e altura ideais para a pessoa. Se o corpo está muito acima ou muito abaixo desta média, os rins têm dificuldade de trabalhar corretamente.

– Cuidado com a diabetes e a pressão alta: além da aterosclerose, que pode formar placas de gordura na artéria renal, há uma sobrecarga do trabalho de filtração.

– Equilibre a dieta: cortar o excesso de gordura, sódio e açúcar é fundamental. Ingerir alimentos ricos em vitaminas e fibras colabora para a manutenção adequada das funções renais.

– Hidrate-se: vale a recomendação de pelo menos 2 litros de água por dia. Outras bebidas como refrigerantes, sucos artificiais e álcool não estão inclusas na conta. Tomar muita água é fundamental para um rim saudável.

– Pare com o cigarro: por conta de suas substâncias tóxicas, o cigarro desencadeia uma série de inflamações que prejudicam o órgão e facilitam o surgimento de tumores.

– Atenção para o uso de analgésicos: ainda que aliviem dores musculares e dores de cabeça, os remédios tomados como automedicação podem prejudicar o funcionamento dos rins, se tomados em excesso.

Alimentos da estação: Jabuticaba

Pequena notável cuida do lado interno e externo do corpo

exame-jabuticaba-corte

Quem olha para uma única jabuticaba pode não dar muito valor a esta frutinha silvestre 100% brasileira, mas a verdade é que tudo o que ela não tem de tamanho, ela tem de benefícios para a saúde.
Leia Mais

Energéticos: amigos ou inimigos?

Bebida que manda o sono embora tem seus prós e contras

exame-energetico-corte

Vendidas como a solução mais prática para quem precisa de um ânimo extra, as bebidas energéticas são vistas normalmente nas mãos de jovens na balada e em pessoas que precisam ficar alertas no trabalho ou na escola.
Leia Mais

Alimentos da estação: ovos vermelhos

Assim como os ovos brancos, eles podem ser aliados da saúde

exame-ovos-corte

Muito se fala sobre os ovos vermelhos – são diferentes, são mais nutritivos, são mais gostosos. Mas tudo isto não passa de um mito. Na verdade, excetuando a cor e o tamanho, os ovos vermelhos são iguais aos brancos.
Leia Mais